Disposição e Recepção

Muitas vezes os estudantes têm dúvidas frequentes sobre os conceitos de disposição e recepção e suas diferenças. Os dois conceitos estão intimamente ligados e são muito simples, mas como o povo gosta de falar sem dominar o assunto, obviamente o iniciante se sente confuso.

Disposição:

O Dispositor de um planeta é o planeta que rege o signo.

Por exemplo, a lua em áries. O regente de áries é marte:

  • Portanto marte dispõe a lua.
  • A lua é disposta por marte.

É claro que há mais de um dispositor por signo, já que há mais de um regente. Entao podemos dizer que o sol dispõe a lua por exaltação (o sol está exaltado em áries)

Como o dispositor é o regente do signo, ele é como o senhor da casa onde o planeta está temporariamente.
Recepção:

APENAS quando houver aspecto entre os dois planetas, lua e marte no nosso caso, haverá recepção.

Vamos supor novamente a lua em áries, e agora  marte em Leão fazendo aspecto com a lua.

  • marte dispoe a lua
  • a lua é disposta por marte

e além disso

  • marte recebe a lua
  • a lua é recebida por marte.

Preste bastante atenção porque tem muita gente que inverte a direção: dizem que a lua “recebe” marte, porque está no domicílio de marte. Se você aprendeu assim, esqueça, e procure nas fontes originais que verá que esse conceito tem sido transmitido por dois mil anos sem controvérsias.

Direitos de propriedade e Direitos de Hospitalidade

Uma analogia ajuda bastante. As pessoas adoram falar de recepção sem perguntar o óbvio: “recebe o que”. Quando vem um convidado na minha casa, eu o recebo, não o contrário.

O dispositor (no caso eu) é o chefe da casa onde o visitante está. O dono da casa tem direitos sobre o hóspede, são os direitos de dizer como ele quer a casa, se não aceita festinha, se quer tudo limpo no final do dia, aluguel adiantado. Se voce está na casa dele, segue suas regras. Esse é o dever de um bom hóspede.

Você é Venus, gosta de alegria e festa. Mas na casa de saturno tem que seguir regras saturninas, porque esse é o direito do proprietário da casa. Siga as regras ou seja expulso.

Mas um hóspede também direitos. Sao os direitos de hospitalidade. Na nossa sociedade capitalista “tanto faz”, ninguem se importa, mas em toda sociedade tradicional a hospitalidade era um dos mais importantes deveres. Se faltou comida na sua casa, falta primeiro para voce e seus filhos, o hóspede fica com fome por último, mesmo que seja um mendigo que pediu para passar a noite para sair da chuva.

A hospitalidade era um dos deveres sagrados na grécia antiga, e ainda o é na India. Um dos mitos do Deucalião dizia que Zeus mandou o dilúvio quando, disfarçado de mendigo, não encontrou uma única pessoa que lhe oferecesse abrigo da tempestade.

Direitos de Propriedade – o poder do dispositor

Como mencionado, o dispositor é aquele que “tem poder sobre você”. Você segue suas regras, ele pesa sobre sua cabeça.

Por exemplo, em horárias sobre amor, amantes e esposas, o parceiro traído freqüentemente é representado por saturno. Marido e amante conjuntos num signo de saturno é um cenário freqüente nesse tipo de pergunta.

Frawley ensina que o planeta “gosta” de seu dispositor. Isso só faz sentido em perguntas amorosas, e freqüentemente não funciona minimamente. O conceito de “gostar” pode fazer com que você erre totalmente suas horárias. Mas o dispositor sempre tem algum tipo de poder sobre o planeta, e cabe ao astrólogo julgar se isso é pertinente ou não.

Direitos de Hospitalidade – recepção

Como falamos acima, o povo começ0u a falar sobre recepção sem se preocupar com o importantíssimo “recebe o que”.  O planeta A, que é dispositor de B, recebe B em sua casa. Sol em peixes, sol está na casa de Júpiter. Júpiter é seu dispositor, mas o que Júpiter recebe?

Quando o sol forma aspecto com Júpiter, e somente quando há aspecto, então aí sim há recepção, porque Júpiter recebe o aspecto do sol. O sol é o hóspede de Júpiter, e ele tem que fazer com que o sol se sinta bem tratado, e tem que levar seus assuntos seriamente. Na medida em que Júpiter tiver poder, ele tentará resolver os assuntos do sol da melhor maneira possível. Esse é o dever de um bom anfitrião, de proteger seu hóspede e de fazer com que ele se sinta cômodo e feliz.

A recepção afeta o julgamento de todos os aspectos em astrologia. Mas o lugar onde há talvez o exemplo mais claro é em horárias sobre doença e morte. Quando o planeta que representa o doente faz aspecto com o planeta que representa a morte, mas há recepção (principalmente mútua recepção), então a morte não levará o doente e haverá recuperação.

Muita gente acha que deveria ser o contrário…. o planeta está no signo dominado pela morte, a morte tem poder sobre a pessoa! Mas não, a simbologia é que a morte tem deveres de hospitalidade sobre seu hóspede, então ela vai “virar pro outro lado” e passar pro próximo nome em sua lista.

Generosidade

Note no entanto que só há recepção com aspecto. Quando marte está em Leao e Sol está em aries, sem aspecto, existe o que chamamos de “generosidade”. Marte está na casa do Sol. O sol está na casa de Marte.

A generosidade é como o presidente dos EUA visitando a França enquanto o presidente da França está nos EUA, eles tem tendencia de ser amigáveis um ao outro por causa do intercâmbio.

Quando os dois também formam aspecto, somente aí temos uma “mútua recepção” que é a forma mais forte de recepção.

Assuntos relacionados


Posted in astrology, Iniciantes e Tutoriais
22 comments on “Disposição e Recepção
  1. Wadalsky says:

    Oi yuzuru

    Tudo bem?!

    Minha questão é referente a Mútua Recepção!!!??

    Há pessoas que insistem em dizer que quando dois planetas estão em Mútua Recepção, esses astros passam a exercer seu papel da mesma maneira como se estivessem em posição de domicílio!!

    Por exemplo: Marte em Sagitário e Júpiter em Áries.

    A pessoa expressaria sua força guerreira interior tanto de maneira sagitariana como Ariana, assim como sua busca por novos horizontes e ampliação de seus valores seria expressa de forma Ariana e também Sagitariana!

    Gostaria de saber, qual é sua visão a respeito disso?

    E também, qual é mais vantajoso? Ter ambos em “Mútua Recepção”, ou em seu próprio Domicílio em casas felizes??

    Agradeço desde já pela atenção!

    Wadalsky

    • yuzuru says:

      Oi, Wadalsky
      Existe os que defendem uma espécie de “teleportaçao”. Nao apenas eles exerceriam seu papel como estivessem no seu domicilio… eles estariam naquele exato grau!

      Essa teoria é obviamente picaretagem. Vem da época dos 60-70 nos Estados Unidos que ainda se ouvia a palavra “recepçao”, mas livros de astrologia tradicional eram algo que ninguem nem tinha ouvido falar.

      para eles, “antigo” era Alan Leo e Sepharial!

      De uma maneira geral, nao trato os planetas em astrologia natal da maneira que voce disse, entao fica um pouco difícil opinar.

      No segundo caso eu preferiria ter os planetas em seus domicilios em casas felizes. Mas caso marte estivesse fazendo uma quadratura a Júpiter, uma recepçao ajudaria tremendamente!

  2. Wadalsky says:

    Obrigado Yuzuru

    Também não vejo veracidade nessa espécie de “teleportação”!!

    E sempre questionei os defensores dessa teoria barata, mas não me davam explicações plausíveis e convincentes a respeito!!

    Imagine:

    Um indivíduo com Júpiter em Virgem e mercúrio em Peixes: dois planetas em debilidade mas que estariam exercendo seu papel como se estivessem em domícilio!!

    Seria contra as “leis da Astrologia”..hehehhe

    Abraços

  3. Gisela - Gi says:

    O nosso amigo aí em cima, Wadalsky deu um exemplo quase igual ao meu mapa: Marte em Peixes e Júpiter em Áries. Gostei da interpretação. Para uma pessoa confusa é muito bom ler esclarecimentos, afinal de contas, é difícil a gente analisar nosso próprio mapa. Vem uma certa cegueira, mas acho que essa recepção-generosidade (não fazem aspectos) me faz uma pessoa boazinha demais que fica lutando por gente que não presta. Júpiter no fim da 7, no oitavo signo e Marte na 7, bem angular, a 3 gaus da cúspide, fazendo oposição ao ascendente.

    Yuzuru, esse negócio de hóspede me lembra a minha situação atual. Só que eu pago tudo aqui, ou melhor, divido. ;-))) Morro de rir com seus exemplos e fica bem mais fácil de aprender Astrologia assim! Agora na RS veio Sol em Áries, claro e Marte em Leão.

    Não entendi essa parte aqui:

    “Preste bastante atenção porque tem muita gente que inverte a direção: a lua é recebida por marte, porque está no domicílio de marte. Se você aprendeu assim, esqueça, e procure nas fontes originais que verá que esse conceito tem sido transmitido por dois mil anos sem controvérsias.”

    Acima disso você diz que pode sim. A Lua recebe Marte e vice-versa. É ou não isso?

    No caso de uma Lua em Áries e um Marte em Touro? Como se conjuga os assuntos das casas? Marte na exaltação da Lua. Conheci uma pessoa assim e é a pessoa mais doente que já vi na vida, mais gulosa e neurótica psycho mesmo. E envolvia 7 e 8. Uma pessoa q se completa pegando “pedaços” dos outros a quem ela acha que abriga na casa dela, sendo que as pessoas pagam por isso e vão embora sem se dar conta. No meu caso ela se ferrou, pois sou tão ou pior estrategista que ela. O que vc acha? E uma pessoa que acha que os outros têm dever para com ela: Lua regendo 11-apoio obrigatório ou a masmorra. ;-00 Ahahaha! Hoje eu rio, pois me dava pena, tamanha a doença.

    Bem, eu tenho mania de manipular mapas e quem me disse isso foi aquela astróloga minha colega do Orkut (Astrologia Moderna). Me corrijam em algum ponto, se no caso houver um!

    • yuzuru says:

      De uma maneira geral, eu desestimulo que os significados dos planetas sejam discutidos com base em mapas natais e “sentimentos”. É melhor entender os planetas de forma concreta, através da horária, porque quando aplicamos em natal o buraco é sempre mais embaixo.

      Eu já corrigi o erro que voce citou. Agora está “muita gente diz que a lua recebe marte porque está no domicilio de marte”.

      Acho que esse tipo de análise “por partes” nao funciona, porque se voce procurasse por aí encontraria várias pessoas com lua em áries e marte em touro com personalidades diferentes.

  4. Gisela - Gi says:

    Claro, com certeza. Você vê que eu mesma me critiquei depois de falar, mas é que a raiva que ficou é grande. Estou exorcizando aos poucos. Mas Marte em Touro na 8 com Lua em Áries na 7 é fogo. E tem stellium na 8. ufff.. ;-)))

    Sobre o “receber”, de novo minha distração e não percebi que vc escreveu “Marte em Leão aspectando Lua em Áries”. Agora entendi porque a Lua não recebe Marte.

    Dúvida: Saturno em Câncer regendo casas vazias, só fazendo aspecto com Júpiter e com Marte um trígono com orbe acima de 9 graus e com a Lua em Gêmeos. Só queria saber o seguinte: a Lua tem que necessariamente que “trabalhar/batalhar por Saturno” que não “veria” nada? Já me disseram isso. Bem, faz parte do meu mapa, claro.

    Tôpegando o jeito e falando mais dos planetas e esquecendo essas coisas pessoais. É difícilmas eu consigo. ;-))

    • yuzuru says:

      Nao entendi muito bem o que isso teria a ver com o tema, já que lua em gemeos e saturno em cancer nao há aspecto, e portanto nao há recepcao.

  5. Aldis jupiter tigre says:

    oi. Minha lua em sagitario na casa 11 é disposta por jupiter em peixes na casa 2. Se eu fizer caridade astrologica para a lua (eu tenho ótimas dicas sobre isso) os resultados serão sentidos na casa 11, certo? ou na 2?

    • yuzuru says:

      A princípio afetaria os assuntos lunares… cada mapa natal é único, mas no seu caso afetaria os assuntos da casa 11, na medida em que a lua os afeta. Eu olharia mais a casa que cancer rege do que a casa onde está o dispositor da lua

  6. Astrochato says:

    yuzuru, help!
    tava brincando com as revoluções solares e me deparei com um problema. de acordo com o lilly devo pegar o grau do meu ascendente, 21° de touro, contar na ordem dos signos até o vigésimo terceiro (tenho vinte e dois anos), e então marcar o 21° grau desse signo como ascendente do mapa da revolução. o restante do mapa fica onde está quando o sol volta pro mesmo grau da minha natividade. ou seja, ele quer que eu use as casas nos mesmos graus da natividade, trocando só os signos. o que vc acha? anyway, o ascendente da minha revolução solar pro 23° ano, com sol a exatos 10° e 01′, se deu em 23° de virgem. considero 21° ou 23°?
    eu sei que vc vai me dizer pra eu ir com calma com as revoluçoes, mas esse ano é meio importante, sendo que no segundo semestre pode ser que eu repita outro semestre no meu curso (medicina) que já é muito longo, e dependo, por um milagre, de conseguir uma disciplina de verao específica em outra universidade, e pedir inclusão na minha. é uma disciplina pouco ofertada durante as férias, e essa rs pode ser uma luz pra eu me tranquilizar, ou mesmo ir me conformando com mais um semestre nessa universidade. sem contar a volta da minha mãe pra áfrica, daqui pouco mais de um mês, fora que saturno tá pertinho do ascendente, na 1 e retrógrado, oposto a parte da fortuna, e regendo a 6, e júpiter natal que tá na 12, na rs tá na 6, e marte na rs rege a oito da rs, e faz quadrado a júpiter natal. o ponto é, tô com medo de adoecer, entende?
    afinal, uso os mesmo graus, ou não?

  7. Astrochato says:

    só concertando:
    de acordo com o lilly o ascendente fica a 21 de aquario, no mapa normal da hora da revolução fica em 23 de virgem. todos os planetas da RS que eu citei são referentes a RS com asc em virgem 23. é que eu tinha prova de patologia, e escrevi correndo pq tava atrasado. rs.
    abço.
    brigadooo

  8. Gisela - Gi says:

    Yuzuru, eu sei que não há recepção. Foi apenas uma dúvida que coloquei na mistura do meu caldeirão já bem famoso por aqui. ;-))

  9. Aldis says:

    oi, yuzuru.
    quando jupiter é o dispositor tanto do sol quanto da lua, ele adquire maior importancia dentro do mapa?

    • yuzuru says:

      A resposta é o famoso “depende”.
      Mas como diria meu professor de administraçao, tudo é depende, o importante é “depende do que”

      Depende de que tipo de astrologia estamos falando: horária, natal, mundana? Eu sei que voce está falando sobre natal, o meu ponto é que há um erro na premissa de que natal é automaticamente considerado como sendo “a astrologia”. Coisas que funcionam muito bem em horária nao funcionam em natal, etc.

      Depende de que tipo de área estamos investigando no mapa natal. Nao é possível investigar um planeta “a seco” sem um tema. Júpiter nao existe sozinho. Ele pode estar favorecendo dinheiro, dificultando carreira, impossibilitando o amor e garantindo filhos adotados, por exemplo…

      Um último ponto é que a astrologia tradicional nao usa o conceito de “dispositor final” que entrou em moda nas últimas décadas.

      Mas por exemplo, se Júpiter for o dispositor dos dois luminares é bem possível que ele seja almuten figuris do mapa. Entao ele assume uma “maior importancia” mas mais do campo de vista espiritual do que por exemplo, para dizer algo sobre sucesso

  10. Aldis says:

    oi, yuzuru.
    eu digitei “orbe ” na pesquisa e encontrei o que procurava, mas restou uma definição de como um júpiter dispositor do sol, ambos em peixes, pode ficar combusto. Alexandre Volguine diz que a orbe para isso é algo como 12 graus, mas pelo que você disse parece que o sol deixa combusto o signo inteiro. Tenho júpiter a 1 grau de peixes e o sol a 24. nesse caso não adianta ter jupiter como dispositor do sol pois está combusto?

    • yuzuru says:

      O intervalo de combustao é algo como 8 graus. “sobre os raios do sol” é algo como 15.

      mas pelo que você disse parece que o sol deixa combusto o signo inteiro

      Nao, isso nao é correto.

      O sol a 24 de peixes está muito longe de jupiter, sequer o considerariamos sobre os seus raios, muito menos combusto.

  11. Bruno says:

    Nas tabelas de dignidades, a recepção consta como dignidade essencial e capaz de livrar um planeta de ser peregrino. É assim mesmo?

    • yuzuru says:

      Nao. Nas últimas décadas surgiram várias interpretaçoes da recepçao como se fosse “teleportaçao”. A recepçao em si nao muda as características essenciais ou acidentais do planeta. O planeta nao deixa de ser peregrino da mesma maneira que ele nao deixa de estar retrogrado ou na casa 8, etc

  12. Bruno says:

    Mas eu não falo de visões modernas, me refiro às tabelas como aparecem em Lilly, Montulmo, Schoener e outros. Steven Birchfield, comentando Bonatti, também dá a entender que a recepção é algum tipo de transferência de “virtude” ou dignidade essencial.

    • yuzuru says:

      Oi, Bruno
      As tabelas tem uma visao que, a meu ver, é muito “matemática” para uma disciplina eminentemente qualitativa. No entanto, meu ponto é que a concepçao de que a recepçao alteraria, de algum modo, o estado de dignidade do planeta, é algo que só aparece com a maluqueira da “teleportaçao”.

      A Recepcao é em si, um tipo de transferencia, e o que é transferido tem que ser considerado em sua dignidade, em sua virtude, mas isso nao modifica a condicao de nenhum dos planetas envolvidos.

      De um jeito ou de outro, nao existe em astrologia exemplo solto. Tem que se analisar exatamente do que falamos, pois o que vale em horária nem sempre vale em natal, por exemplo.

  13. Cristiane says:

    Quando houver aspecto de 90 graus, suposta quadratura, entre um sol em áries e um Marte em leão, devo interpretar como recepção mútua? Se não, qual a interpretação correta?

    • yuzuru says:

      Se sol está em aries e marte está em leao, por definicao nao há aspecto de quadratura em astrologia tradicional. Isso é uma interpretaçao moderna, que despreza a característica dos signos em favor da numerologia.

      Como a questao dos aspectos nasceu originalmente das relaçoes entre os signos, sempre vamos considerar dois planessas nessas condicoes como estando em trígono por aspecto inteiro. Em alguns campos, como a horária, poderia ser importante por exemplo que estao separando de uma quadratura, mas nao seria mais considerado como uma quadratura em si.

      ab

1 Pings/Trackbacks for "Disposição e Recepção"
  1. […] 4 – A recepção é uma relação de hóspede-anfitrião que sempre traz algum benefício. Geralmente o importante […]

Leave a Reply

Aprenda mais astrologia

Veja o que perdeu

%d bloggers like this: